.
.

Blog de notícias e informações da cidade de Jaboatão dos Guararapes

.

Prefeitura de Jaboatão correu e conseguiu apresentar terreno do Campus do IFPE.


Mapa das atuais unidades do IFPE.

Esta semana publicamos em nosso blog, como também foi publicado no JC Online e outros,  a notícia em que a Prefeitura de Jaboatão e outras 5 cidades poderiam perder a construção da escola técnica, pois não atenderam, no prazo de 150 dias, a apresentação do terreno dentro das normas técnicas, onde seria construído o Campus da IFPE.

Tal notícia gerou repercussão negativa nas mídias sociais, pois nós jaboatonenses não queremos perder o Campus do Instituto Federal de Pernambuco e nosso blog tem por missão, deixar a população esclarecida dos fatos que acontecem em nossa cidade.

Sem citar nomes, fomos alvo de críticas e ataques por parte de alguns funcionários da prefeitura por divulgar a notícia negativa que já havia circulado em outros jornais.

A reitora Cláudia Sasil, deu o ultimato até a próxima sexta-feira (09), caso as prefeituras não apresentassem os terrenos, iriam procurar outras cidades interessadas, pois o MEC lhes deram autonomia para isso.

A Prefeitura correu e conseguiu apresentar o terreno dentro do novo prazo estabelecido. Acreditamos que é mais que uma obrigação por parte do governo municipal facilitar esta parceria, pois o mais beneficiado será a nossa população.

Veja a notícia recentemente publicada em 04/03/2012, Do Jc Online

Diante da possibilidade de deixar de abrigar um câmpus do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), o município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, ofereceu à instituição um terreno com cerca de cinco hectares, em Cavaleiro. De acordo com o secretário-executivo de Desenvolvimento Econômico, Jackson Rocha, a reitora do IFPE, Cláudia Sansil, vai visitar o local nesta terça-feira, às 9h. “Ele fica numa área bem localizada, atendida por várias linhas de ônibus e pelo metrô”, disse Jackson.

O secretário contou que um outro terreno, menor do que o atual, já havia sido ofertado. “Já estávamos quase entrando com o processo de desapropriação, quando o instituto voltou atrás e pediu uma outra opção”, contou Jackson. Oficialmente, o terreno de cinco hectares foi colocado à disposição no último dia 29, segundo ele. “Caberá à reitora aprovar ou não. Mas acreditamos que vai dar certo.”
Além de Jaboatão, outros cinco municípios correm o risco de não ter um câmpus do IFPE, anunciado em setembro do ano passado pela presidente Dilma Rousseff. São eles: Olinda, Igarassu, Cabo de Santo Agostinho e Abreu e Lima, todos no Grande Recife. Apenas Paulista, na mesma região, cumpriu o prazo e assegurou uma escola técnica, que deve ficar pronta até 2014.

Link da notícia aqui

Comentário dos leitores

Publicar




Deixe uma resposta