TRANSPARENCIA

A nova avaliação do Ministério Público Federal, continua colocando a administração do prefeito Elias Gomes, entre as piores do estado, no quesito transparência das contas públicas. O MPF, órgão atuante no combate a corrupção e desvio de dinheiro público, realizou a mesma avaliação em meados de setembro de 2015 e de lá pra cá, Jaboatão pulou de nota 0 (zero), para 0,8. Nesta nova avaliação, a cidade aparece em 144° lugar no estado de Pernambuco.

A avaliação mostra outras cidades nas seguintes colocações como mais transparentes.

1° Recife
7° Petrolina
13° Cabo de Santo Agostinho
16° São Lourenço da Mata
26° Caruaru
28° Arcoverde
54° Olinda



144° Jaboatão dos Guararapes.

Com um orçamento anual de algo em torno de R$ 1,2 Bi, Jaboatão continua sendo um dos piores municípios do estado de Pernambuco quando o assunto é transparência com o dinheiro da população. Não há como ter uma gestão exemplar ou mostrar que é contra a corrupção, quando as contas não são no mínimo, transparentes e esclarecidas à população. Este exemplo não pode ser seguido pela próxima administração que que estará a frente da prefeitura.

Imaginemos que o síndico do seu prédio recebe as taxas condominial e não presta conta do que gasta, dos extratos bancários, dos fornecedores e outros, esta é a mesma situação que acontece em Jaboatão, só que em uma proporção muito maior.

Veja a lista total de todos os municípios de pernambuco.

http://www.combateacorrupcao.mpf.mp.br/ranking/mapa-da-transparencia/arquivos-pdf/ranking-2a-avaliacao-pe.pdf