Morreu aos 92 anos deste sábado (23), por volta das 5h da manhã, no Hospital São Marcos, no Recife, o ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes e ex-deputado estadual por Pernambuco, Newton D Emery Carneiro. Segundo a família, ele estava internado na UTI do hospital há mais de 40 dias e teve insuficiência cardíaca e doença renal crônica. Carneiro deixa seis filhos e sete netos.

Newton foi por oito vezes deputado estadual na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), ocupou a cadeira de vereador do Recife, por dois mandatos e foi prefeito da cidade de Jaboatão dos Guararapes entre (1996-1999 e 2004-2007). No ano de 2008, tentou a reeleição, mas ficou em terceiro lugar com 26.225 votos, deixando o segundo turno da disputa entre Elias Gomes e André Campos. Dois anos depois, ele tentou novamente uma vaga na Assembleia Legislativa, porém não obteve êxito tendo apenas 2.619 votos.

No passado, Newton teve algumas histórias curiosas. Em 1991, ele já lotou o pátio da Alepe de caixões, episódio que o fez estampar os jornais. Ele comprou cerca de 400 ataúdes (caixão) e chegaram todos de uma só vez. O material teve de ser descarregado no pátio da Alepe, causando fúria no então presidente da Assembléia, Clodoaldo Torres. Newton contabiliza que já fez mais de 11 mil sepultamentos. Em outro episódio, andou de charrete pela cidade expondo um cartaz com os dizeres: “Faça como o deputado Newton Carneiro. Não use gasolina cara do Seu Delfim… que vai subir mais ainda”.

Quando prefeito na cidade de Jaboatão, era conhecido por ser o político mais popular de todos os tempos, costumava andar nas ruas livremente de terno e capacete de obras, com bolachas no bolso, participava e acompanhava as obras nas ruas da cidade. Um político muito próximo do povo. Informações de pessoas que trabalharam com ele, que Newton de vez em quando sumia e deixava todos preocupados, ao final, encontravam o ex-prefeito dormindo dentro do seu próprio carro.

O velório está marcado para este sábado (23), às 14h, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o sepultamento será no domingo (24), às 11h, no cemitério Memorial Guararapes, localizado na BR 101, km 79,3.

O véinho vai deixar saudades…