jacare

O morador Luiz Fernando, do Engenho Velho, em Jaboatão, foi surpreendido por um jacaré, com pouco mais de um metro, no quintal de sua casa. O caso aconteceu na manhã desta terça- (12).

Temendo pela segurança de sua família ele resolveu acionar a Polícia Militar que transferiu a responsabilidade da ocorrência para o Corpo de Bombeiros.

Os bombeiros fizeram o mesmo e passaram a responsabilidade para o IBAMA. Após não receber uma resposta favorável do órgão ambiental, o morador entrou em contato com a polícia ambiental do município. Esta afirmou não possuir viaturas suficientes para atender a um caso como este.

Mesmo tendo um animal perigoso, colocando em risco a vida de sua família e vizinhos, Luiz teve que aguardar até ás 18h para que a polícia ambiental chegasse ao local.

Mesmo assim, o jacaré não foi localizado devido a demora e continua ameaçando a segurança dos moradores da área.

O caso expõe a fragilidade da polícia ambiental do município de Jaboatão, que sofre com a falta de investimentos da prefeitura e tem que trabalhar no limite.

Além disso, a população ainda tem que sofrer com omissão dos órgãos públicos que preferem repassar a responsabilidade do que simplesmente resolver o problema.

Com informações do leitor Missian Rodrigues