Comunidade que Faz

Através do programa “Comunidade que Faz”, A prefeitura de Jaboatão dos Guararapes está dando materiais de construção e a população arregaçando as mangas, pondo a mão na massa, pintando praças, calçando vielas de comunidades carentes, entre outras.

Segundo falou o vereador e pré-candidato a prefeito Neco, a prefeitura de Jaboatão inverteu os papéis, atribuindo a responsabilidade do poder público ao contribuinte que já paga um imposto, muito alto, ainda segundo o parlamentar, este programa tem maior intuito de captar votos nas comunidades mais carentes.

Em alguns casos que chegaram ao blog, quando a prefeitura tentou implantar o “comunidade que faz” em locais de renda um pouco mais alta, os moradores já perguntam logo, “e o dinheiro que vamos pagar da mão de obra? Vamos ter desconto no IPTU?”. Em resposta, a prefeitura diz um não! Por isso quando a população é mais esclarecida, as obras não acontecem.

Segue aí a sugestão do Marlus Costa: Se a prefeitura de Jaboatão modificar este projeto, dando desconto no IPTU daqueles moradores que custearem ou realizarem a mão de obra, certamente seria mais justo e viável para os moradores. Lembrando que não ter a rua saneada e pavimentada, é uma prova da irresponsabilidade do poder público com os serviços básicos necessários para a moradia digna dos contribuintes que pagam altos impostos.