Eleições Jaboatão

Jaboatão hoje vive uma situação indefinida para a sucessão eleitoral, pois o atual prefeito não preparou sucessor e a possível candidata e ex-companheira, a baiana Conceição Nascimento, na qual tem um filho com o gestor, não conseguiu até o momento cair na graça do eleitorado jaboatonense.

Há quem diga que mesmo participando de todos os eventos promovidos pela prefeitura, inaugurações de todas as obras e com o apoio claro da máquina, ela deveria estar muito além do pouco que conquistou em Jaboatão.  A cidade hoje tem um cenário político favorável a soma dos candidatos da oposição, isso sem contar com a grande rejeição nas ruas que o governo tem devido o desgaste, promessas não cumpridas e do péssimo serviço público prestado à população.

Em Jaboatão, população denuncia mais um posto de saúde em condições precárias

Blitz do Blog do Marlus Costa visita posto de Saúde em Barra de Jangada

Um outro fator muito negativo para o atual governo, é a grande rejeição que o mesmo tem com os servidores públicos municipais. A categoria promete dar o troco nas próximas eleições fazendo campanha contra a sucessão do atual governo.

“Elias Gomes foi o pior prefeito da história de Jaboatão para os servidores”, David Matos, presidente do sinditado dos servidores

Uma fonte que trabalha na prefeitura de Jaboatão disse que o clima na gestão é meio fúnebre. Há várias críticas na forma como estão conduzindo o processo de sucessão e um dos comentários na festa de aniversário da secretária de administração foi, “Elias fez uma boa gestão, conseguiu eleger o filho, mas não sabe fazer sucessor”.

Estão no páreo das eleições majoritárias de Jaboatão, os seguintes nomes;

Anderson Ferreira (PR), Joel da Harpa (PTN), Neco (PDT), Edmar de Oliveira (SD), César Ramos (PSOL), Adelson Veras (PCB), Cleiton Collins (PP), José Carlos Campos (DEM), Humberto Barradas (sem partido), Conceição (PSDB) e Paulo de Tarso (PRP), Heraldo Selva (PSB) e João Fernando Coutinho (PSB).