No último dia 15 deste mês, durante o encerramento da festa de Santo Amaro, em Jaboatão Centro, Frei Damião pegou o prefeito Elias Gomes de surpresa, que acompanhava no palco a Missa Solene, ao lado do seu filho, o deputado federal Betinho Gomes.

O Frei pedia que todos rezassem para que o dia 15 de janeiro se tornasse um feriado municipal, para que os devotos pudessem participar mais deste dia tão importante e tradicional para os católicos de Jaboatão dos Guararapes.

“Vamos rezar para que nossos legisladores possam criar este feriado municipal para o povo de Deus”, disse.

O inusitado foi quando Frei Damião, chamou Elias em frente ao palco e jogou a responsabilidade para o gestor, de uma forma tipo; “E agora Elias? É com você e o povo”.

Todos pediam para que o prefeito criasse o feriado, mas ele esclareceu que a lei federal permite apenas um feriado municipal, quando se trata de feriado religioso de uma cidade, neste caso, Jaboatão já tem que é a Nossa Senhora dos Prazeres, comemorado no dia 12 de abril.

Como pode uma cidade ter dois padroeiros? Santo Amaro e Nossa Senhora dos Prazeres, coisas de Jaboatão…

Opa!!! Correção! Jaboatão tem três padroeiros e não dois, faltou Nossa Senhora de Lourdes, padroeira de Cavaleiro que é comemorado no dia 16 fevereiro.

Ainda no palco, Elias pediu ao Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, que o tema fosse discutido pela igreja católica.

Uma outra alternativa comentada pelo gestor seria decretar um feriado distrital, “só em Jaboatão Centro”.

Festa de Santo Amaro