cartão postal piedade 5

O descaso da gestão municipal de Jaboatão com as causas ambientais são registrados pelo leitor João Bosco Souza, que enviou imagens de um trecho da praia de Piedade, precisamente na primeira rua após o hotel Dorisol, onde os dejetos da rede de esgotos são despejados na areia da praia.

Inconformado com a situação, o mesmo pediu uma denúncia para que as autoridades competentes tomem alguma providência.

Vale lembrar que no último dia 21 de agosto de 2015, publicamos uma matéria fruto de um estudo realizado pela CPRH e a Agência Estadual de Meio Ambiente, sobre as condições de banho das nossas praias. O resultado apontou as nossas praias impróprias para o banho.

O grande problema em Jaboatão é a manutenção do que é feito, nada se sustenta. Gastou-se mais de R$ 45 milhões com a obra da engorda da praia, recurso do governo federal, mas temos uma orla onde muitos prédios da beira mar despejam o seu esgoto na areia da praia, causando um verdadeiro crime ambiental e porque não dizer um atentado contra o turismo de Jaboatão, pois imaginem o turista que está hospedado no Hotel Dorisol, desce para pegar uma prainha e vê uma cena dessa, além do mau cheiro. Além disso, vários pontos da orla de Jaboatão estão sem iluminação pública o que facilita o consumo de drogas na orla e a falta de segurança com a frequente onda de assaltos.

Agora é apostar em mudanças neste ano de 2016, onde poderemos alternar o poder, escolhendo outro gestor que não seja ligado ou de indicação do prefeito Elias Gomes.

Confiram mais imagens abaixo sobre a situação registrada pelo nosso leitor.

cartão postal piedade 2 cartão postal piedade 3 cartão postal piedade 4 cartão postal piedade