A audiência dos jornais e programas de TV dedicados ao coronavírus está caindo em São Paulo.

A revista “Combate ao Coronavírus”, que rendia médias de até 12,6 pontos para a Globo em março, não passou de 9,2 pontos na última semana. Na quinta-feira, ficou com 7,3 pontos. Manteve a liderança, mas em escala menor.

Talvez o melhor termômetro televisivo do interesse dos brasileiros pelo coronavírus, o “Jornal Nacional” também observou decréscimo de audiência. Em 17 de março, quando as medidas de isolamento social começaram a ser aplicadas pelas empresas, o noticioso registrou 38,1 pontos de média. Segunda-feira passada, com a expectativa pela demissão de Luiz Henrique Mandetta, consumada apenas três dias depois, a média ficou em 33 pontos.

O coronavírus está menos pop, menos midiático.

Fonte: O antagonista